Vivências
A maior solidão é a do ser que não ama. A maior solidão é a dor do ser que se ausenta, que se defende, que se fecha, que se recusa a participar da vida humana. A maior solidão é a da mulher encerrada em si mesma, no absoluto de si mesma...

08 Maio 2010

O segredo do casamento não é a harmonia eterna.

Isso é pura utopia! Brigas, desentendimentos... a melhor solução é ponderar, esfriar a cabeça e seguir em frente com o mesmo homem.

O segredo, é renovar o casamento!

Isso exige cuidados, atitudes e preocupações que se esquecem na azáfama do dia-a-dia. É preciso renovar a relação. É preciso não deixar  de namorar, de cortejar, elogiar, seduzir e ser seduzida.

Lembra-se da última vez que saíu para dançar? Para ir ao cinema? Quanto tempo faz que não envia uns SMS românticos?... Há quanto tempo você não tenta conquistá-lo como se ele fosse um pretendente em potencial, que ainda não foi conquistado?

Há quanto tempo não vão de lua de mel... sem os filhos... sem os problemas...

Sei... está a pensar no excesso de peso... depois do casamento.

Porque será que um casal quando se separa perde 10/15 kg num mês? Porque não esforçar-se para  conseguir o mesmo juntos?

Imagine seu marido como um namorado novo.

Tudo muda num novo relacionamento... freqüentamos outros lugares, em alguns casos até de casa mudamos, mudamos o visual... tornamo-nos "outra" pessoa! 

Tudo isso pode ser feito sem que você se separe. Vamos ser honestos? ninguém aguenta a mesma mulher ou marido durante 20, 30 ou 50 anos com a mesma roupa, o mesmo batom, as mesmas gracinhas, mais o desleixo que se vai acumulando.

Quem opta pelo divórcio, muda tudo, aliás esse é um dos prazeres da separação. Até que volte a ficar tudo muito monótono? 

Quem se separa volta a ficar "encantado" e com a prespectiva de uma vida nova, de mudar. 

Mas... não é preciso um divórcio para mudar e ter coisas novas.

Basta investir no casamento, mudar de lugares e interesses e não ficar acomodada e desleixada.

Uma atitude dessas tem um preço elevado, por isso, muitas uniões se desfazem porque o casal se recusa a pagar pequenos custos. Recusa-se a gastar dinheiro e investir tempo naquilo que chama de "ninharias?".

Engraçado! A opção pelo divórcio não ficará mais dispendiosa? 

Não existe a tal "estabilidade do casamento", nem a devemos desejar.

Tudo muda, o mundo muda, nós também também, nosso marido, até a cidade em que moramos vai mudando... os amigos.

A melhor estratégia para salvar um casamento não é manter uma "relação estável", mas saber mudar junto e ser criativo.

Fazemos isso no trabalho, por que não fazer na própria família?

Descubra o novo homem que vive ao seu lado. Problemas, discussões e chatices vão existir sempre.

Por isso, de vez em quando, é preciso casar de novo, e se experimentasse fazê-lo com o mesmo "par"?

Hoje, há por aí muita gente a dizer que não casa, porque um papel não é sinónimo de amor... é verdade, mas não será que é pura falta de vontade de assumir um compromisso sério?

Atrevo-me a dizer que: _ Quem parte para um relacionamento a pensar "se não der certo... separo-me", é meio caminho andado para o fim!

Seja uma heroína! Mantenha a sua família unida! Surpreenda o seu marido! Invista no casamento!

Porque VALE A PENA SER FELIZ!

 

publicado por RosaOliveira às 21:28

Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28

30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

17 seguidores

pesquisar
 
blogs SAPO