Vivências
A maior solidão é a do ser que não ama. A maior solidão é a dor do ser que se ausenta, que se defende, que se fecha, que se recusa a participar da vida humana. A maior solidão é a da mulher encerrada em si mesma, no absoluto de si mesma...

25 Abril 2010

Retirei do blog http://marihelecosta.blogs.sapo.pt/ e como sou mãe senti que era um dever cívico divulgar... ajam conforme a vossa consciência!

 

Date: Fri, 23 Apr 2010 18:58:24 +0000

Subject: Carta de uma mãe_INVERSÃO DE VALORES

From: srcjantunes@gmail.com

*Carta enviada de uma mãe para outra mãe no Porto, após um telejornal da RTP1:

 

De mãe para mãe...

Cara Senhora, vi o seu enérgico protesto diante das câmaras de televisão contra a transferência do seu filho, presidiário, das dependências da prisão de Custóias para outra dependência prisional em Lisboa.

Vi-a a queixar-se da distância que agora a separa do seu filho, das dificuldades e das despesas que vai passar a ter para o visitar, bem como de outros inconvenientes decorrentes dessa mesma transferência.

Vi também toda a cobertura que os jornalistas e repórteres deram a este facto, assim como vi que não só você, mas também outras mães na mesma situação, contam com o apoio de Comissões, Órgãos e Entidades de Defesa de Direitos Humanos, etc...

Eu também sou mãe e posso compreender o seu protesto. Quero com ele fazer coro, porque, como verá, também é enorme a distância que me separa do meu filho.

A trabalhar e a ganhar pouco, tenho as mesmas dificuldades e despesas para o visitar. Com muito sacrifício, só o posso fazer aos domingos porque trabalho (inclusivé aos sábados) para auxiliar no sustento e educação do resto da família.

 

Se você ainda não percebeu, sou a mãe daquele jovem que o seu filho matou cruelmente num assalto a uma bomba de combustível, onde ele, meu filho, trabalhava durante a noite para pagar os estudos e ajudar a família.

No próximo domingo, enquando você estiver a abraçar e beijar o seu filho, eu estarei a visitar o meu e a depositar algumas flores na sua humilde campa, num cemitério dos arredores...

Ah! Já me ia esquecia:

Pode ficar tranquila, que o Estado se encarregará de tirar parte do meu magro salário para custear o sustento do seu filho e, de novo, o colchão que ele queimou, pela segunda vez, na cadeia onde se encontrava a cumprir pena, por ser um criminoso.

No cemitério, ou na minha casa, NUNCA apareceu nenhum representante dessas "Entidades" que tanto a confortam, para me dar uma só palavra de conforto ou indicar-me quais "os meus direitos".

 

Para terminar, ainda como mãe, peço por favor: Façam circular este manifesto! Talvez se consiga acabar com esta (falta de vergonha) inversão de valores que assola Portugal e não só... Direitos humanos só deveriam ser para "humanos direitos"!!!

 

 

 

publicado por RosaOliveira às 20:37

22 Abril 2010

 

 

Uma jovem mulher e sua filha caminhavam pela praia.

A certa altura, a menina perguntou:

- Como se faz para manter um amor?

A mãe olhou para a filha e respondeu:

- Pegue um pouco de areia e feche a mão com força.

A menina assim fez e reparou que, quanto mais forte apertava a areia com a mão, com mais velocidade a areia escapava.

- Mamãe, mas assim a areia cai!!!

- Eu sei, agora abra completamente a mão.

A menina assim fez, mas veio um vento forte e levou consigo a areia que restava na sua mão.

- Assim também não consigo mantê-la na minha mão!

A mãe, sempre a sorrir, disse:

- Agora pegue outra vez um pouco de areia e mantenha a mão um pouquinho aberta, como se fosse uma colher: fechada o suficiente para protegê-la, mas aberta o bastante para lhe dar liberdade.

A menina experimentou e viu que a areia não escapava da mão, pois estava protegida do vento. A mãe concluiu:

- É assim que se faz durar um amor!

 

Desconheço a autoria do texto.

publicado por RosaOliveira às 18:24

21 Abril 2010

DEUS NÃO PERGUNTARÁ...

 

... Que tipo de carro conduziste; Ele perguntará a quantas pessoas que não tinham carro tu transportaste.

 

... Qual era a dimensão da tua casa; Ele perguntará quantas pessoas recebeste nela.

 

... Quantas peças de roupa tinhas no teu guarda-fato; Ele perguntará quantas pessoas ajudaste a vestir.

 

... Qual foi a tua categoria profissional; Ele perguntará se desempenhaste a tua função o melhor que sabias.

 

... Qual foi o teu melhor salário; Ele perguntará se comprometeste o teu carácter para o obter.

 

... Quantos foram os teus amigos; Ele perguntará para quantas pessoas foste um amigo.

 

... Em que bairro viveste; Ele perguntará como trataste teus vizinhos.

 

... Qual foi a cor da tua pele; Ele perguntará qual foi o conteúdo do teu carácter.

 

Autor anónimo

publicado por RosaOliveira às 21:07

20 Abril 2010

Uma senhora muito pobre telefonou para um programa cristão de rádio pedindo ajuda.

Um bruxo que ouvia o programa resolveu pregar-lhe uma peça.

Conseguiu seu endereço, chamou seus secretários e ordenou que fizessem uma compra e levassem para a mulher, com a seguinte orientação:

- Quando ela perguntar quem mandou, respondam que foi o DIABO!

 

Ao chegarem na casa, a mulher recebeu-os com alegria e foi logo guardando os alimentos.

Os secretários do bruxo, conforme a orientação recebida, perguntaram:

- A senhora não quer saber quem lhe enviou estas coisas?

A mulher, na simplicidade da sua fé, respondeu:

- Não, meu filho. Não é preciso. Quando Deus manda, até o diabo obedece!

 

NÃO SE PREOCUPE DE QUE MANEIRA VIRÁ SUA VITÓRIA... QUANDO DEUS DETERMINA, ELA VEM !!!

Tenha paciência.. não é no seu tempo e sim no tempo Dele...

Porque você vê só até um limite...

Ele ultrapassa esse limite e, vê muito além!

DEUS vos abençoe, e tenham um bom dia!

 

Texto retirado da net.
publicado por RosaOliveira às 18:56

18 Abril 2010

Feliz como um passarinho, assobiando ou cantando uma canção?

Irritado e com dores pelo corpo pela noite mal dormida?

Dois momentos, duas situações que refletem dois modos de vida diferente.

 

No primeiro caso, alguém com a certeza de que o dia será abençoado e maravilhoso, mesmo com os problemas que diáriamente se apresentam.

O segundo, com a dúvida sobre a sua capacidade de resolver os problemas que estão se acumulando...

Troque a sua maneira de enxergar a vida, aquela mania de guardar rancor ou deixar para depois a resolução de um problema.

 

Mergulhe de cabeça nas emoções, mostre para o mundo que você ama os seus, mas mostre principalmente para eles que esse amor existe.

Mostre-se confiante, mesmo que a confiança ainda venha lá atrás.

Mostre-se forte, mesmo que no fundo o medo ainda exista.

Mostre-se cristão e estenda a mão, mesmo que seu problema seja muito grande diante dos teus olhos, porque sempre haverá alguém com sofrimento ainda maior.

Mostre-se gentil para com todos, uma palavra é como uma chave que pode abrir ou fechar portas.

Mostre-se livre das farsas, não queira ser o que você não é, seja verdadeiramente simples.

Mostre-se sem medo de amar, de começar de novo, de levantar depois da queda, mostre para a vida que você é insistentemente capaz de ser feliz.

 

Não desista de seus sonhos por culpa disso, daquilo ou de alguém, para ser feliz, o que conta realmente é a sua determinação, por isso, mostre-se como você é, uma pessoa maravilhosa, capaz de superar-se a cada dia. Eu acredito em você.

 

 

 

Paulo Roberto Gaefke

publicado por RosaOliveira às 20:29

10 Abril 2010

 

 

A águia tem a maior longevidade de sua espécie, chega a viver 70 anos e para chegar a essa idade tem que tomar uma decisão difícil.

Aos 40 anos suas unhas compridas e flexíveis não conseguem mais agarrar as presas das quais se alimenta, seu bico alongado e pontiagudo curva-se, suas asas envelhecidas e pesadas em função da grossura das penas apontam contra seu peito e voar torna-se muito difícil.

Então, a águia só tem duas alternativas: morrer ou enfrentar um processo doloroso de renovação que durará 150 dias.

Esse processo consiste em voar para o alto da montanha e recolher-se em seu ninho.

Ali, bate violentamente o bico contra uma pedra até arrancá-lo... Após arrancá-lo espera nascer um novo bico para então arrancar suas próprias unhas. Quando nascem suas novas unhas passa a arrancar suas penas envelhecidas e só após cinco meses sai para o famoso vôo de renovação e viverá então... mais 30 anos.

Muitas vezes, temos que nos resguardar por algum tempo e começar um processo de renovação. Para continuar a voar um vôo de vitórias, devemos às vezes nos desprender de lembranças, costumes e outras tradições do passado. Somente livres do peso do passado, poderemos aproveitar o valioso resultado de uma... RENOVAÇÃO!!!

publicado por RosaOliveira às 21:05

24 Fevereiro 2010

Por céus e mares eu andei,
Vi um poeta e vi um rei
Na esperança de saber
O que é o amor.

Ninguém sabia me dizer,
Eu já queria até morrer
Quando um velhinho
Com uma flor assim falou:

O amor é o carinho,
É o espinho que não se vê em cada flor.
É a vida quando
Chega sangrando aberta
em pétalas de amor.


Fonte: Vinícius de Moraes
 

publicado por RosaOliveira às 20:40

22 Fevereiro 2010


Tudo de amor que existe em mim foi dado
Tudo que fala em mim de amor foi dito
Do nada em mim o amor fez o infinito
Que por muito tornou-me escravizado.

Tão pródigo de amor fiquei coitado
Tão fácil para amar fiquei proscrito
Cada voto que fiz ergueu-se em grito
Contra o meu próprio dar demasiado.

Tenho dado de amor mais que coubesse
Nesse meu pobre coração humano
Desse eterno amor meu antes não desse.

Pois se por tanto dar me fiz engano
Melhor fora que desse e recebesse
Para viver da vida o amor sem dano.

 



Vinicius de Moraes / Paulo Mendes Campos

publicado por RosaOliveira às 17:39

22 Fevereiro 2010

Vim até aqui com vontade de escrever, mas agora que aqui estou...

Não me apetece fazê-lo.

Porquê? Porque me sinto tão só como quando comecei e ainda mais desiludida.

Não que esperasse muito mais, mas ainda acreditava na solidariedade entre as mulheres...

ilusões!

 

Se e quando me apetecer... voltarei.

publicado por RosaOliveira às 17:27

06 Fevereiro 2010

Composição: Peninha

 

Você entrou no meu mundo e pensou que era dono da situação e esqueceu que o amor ganha sempre quem fala com o coração.
Você deixou o seu passado fechar um caminho que ia se abrir.
Ai, aiiii que pena.
Você perdeu com o tempo, aquela maneira de me enganar...
Trocou um velho carinho por coisas que eu não consigo cantar....
Hoje eu tenho certeza que nós caminhamos pra lugar nenhum...
Ai, aaaiii, que pena, que pena...

Que pena de ver nosso mundo caindo.
Que pena de ver nosso sonho sumindo.
Ai, aiii, que pena.

Que pena de ver tanto amor fracassar,
Que pena da pena que você me dá.
Éhhh, meu amor que pena, que pena.

Você perdeu com o tempo aquela maneira de me enganar...
Trocou o velho carinho por coisas que eu não consigo cantar...
Hoje tenho certeza que nós caminhamos pra lugar nenhum...

Ai ,aiii, que pena, que pena.

 

 

 

publicado por RosaOliveira às 21:24

Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

17 seguidores

pesquisar
 
blogs SAPO